Secretária de saúde de Juara explica os motivos da demora no atendimento da unidade SAMU

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

A partir de abril desde ano de 2020, o município passou a ser integrado a rede de prestação de socorro de emergência, porém, com chamadas sendo atendidas com ligação feitas no telefone 192 direto na base em Cuiabá, onde um médico de plantão receberá a ligação e repassará ao serviço em Juara, autorizando o deslocamento da ambulância até o local que foi requisitado.

Porém, desde a implantação desse sistema integrado, em Juara tem havido muitas reclamações nesse sentido com relação de demora e morosidade da ambulância para chegar ao local do fato indicado.

A reportagem da Rádio Tucunaré e acessenoticias procurou a secretária municipal de Saúde Silvia Cremonez Sirena fala falar sobre o assunto e saber se existe a possibilidade de melhora nesse sentido.

A secretária explicou que conversou com o coordenador estadual do SAMU e com a superintendente estadual da unidade, constatou-se que a pessoa que liga, não está esperando completar o serviço para ser atendido, ou seja, desliga o telefone antes de ouvir as orientações do médico para que ele possa acionar a base do Samu de Juara.

Essa classificação será feita pela gravidade dos fatos, ou seja, urgência, emergência, e como a pessoa não espera na linha para completar o serviço durante a ligação, causa essa morosidade, porque o trabalho não entra no sistema.

A base de Cuiabá só aciona a ambulância em Juara e nos demais municípios integrado a esse sistema mediante o pedido do médico após ouvir todas as informações repassadas através da ligação feita via 192.

Ouça na íntegra a entrevista da secretária explicando sobre o assunto:

Fonte: Acessenoticias

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️