Tecnologia auxilia no controle da vida financeira em meio à pandemia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Em meio a incertezas no cenário de pandemia do coronavírus, muitas pessoas estão tendo dificuldades para organizar a vida financeira. Está surgindo no mercado diversas soluções tecnológicas com a proposta de facilitar ausência de gestão neste ponto. Raphael Machioni, CEO da Vee Benefícios, dá algumas dicas de como melhorar a organização do dinheiro. Para ele, o sucesso nessa missão passa por dois pontos principais: informação e disciplina.

1- Informação e disciplina: Machioni diz que somente com a informação não é possível controlar suas finanças e gastos, também é preciso ter disciplina. Segundo ele, os conceitos básicos de finanças são importantes e, por isso, deveriam ser ensinados desde sempre. Ele ressalta que atualmente já existem “aplicativos e sites dos próprios bancos” que ajudam com isso. “Eles montam as categorias de gastos, você classifica de acordo com seu perfil [gasto essencial ou supérfluo por exemplo]. Mas a informação sozinha não basta, tem que ter disciplina pra colocar dentro do orçamento. Aí que entra a educação financeira de fato. A pessoa precisa conhecer os conceitos básicos de finanças, que não são ensinados na escola, mas deveriam: o valor do dinheiro no tempo, inflação, juros simples/compostos, quando vale a pena comprar à vista ou a prazo”.

2- Gestão de gastos: em um período muito conturbado e de poucas certezas sobre o futuro, é necessário priorizar os gastos e organizar o orçamento mensal com auxílio da tecnologia. O acesso de forma rápida a essa informação cria o hábito e ajuda no controle durante a quarentena. “Antigamente para ter controle dos gastos tinha que anotar ou ir colocando numa planilha de Excel, o que dava trabalho e nem sempre era preciso (ninguém atualiza isso o tempo todo). Hoje já existem aplicativos e sites que fazem isso automaticamente, pois possuem informação de movimentações do cartão”, disse Machioni.

3- Gestão de benefícios: de acordo com o CEO, a gestão de benefícios é o ponto crucial para controlar as finanças neste período. Muitos não sabem o valor que recebem e qual a melhor maneira de usá-los. Muitas empresas adotam benefícios flexíveis e, dessa forma, os colaboradores conseguem ter uma personalização no uso dessas vantagens, sempre levando em conta seus objetivos e necessidades individuais. Os benefícios, principalmente com o comércio fechado, ajuda a ter mais poder de compra.

4- Saber manejar os benefícios recebidos com uma plataforma digital: ao saber como organizar esse ganho, é possível ter acesso a uma ampla rede de vantagens e maior conhecimento de oportunidades para melhorar seu controle financeiro.

5- Controlar os recebíveis: apesar de toda a crise em razão da pandemia de coronavírus e do trabalho em home office afetar a logística de gastos, o controle dos benefícios mais o salário podem ajudar para que todos consigam usufruir da melhor maneira do dinheiro que recebem.

 

 

Fonte: Agencia Brasil

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Acesse Notícias. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️