baner topo1
Juara – Mato Grosso
[dataehoranews]

Vasco perde para o líder Internacional na reta final do Brasileirão

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

O Vasco não conseguiu superar o líder Internacional, mesmo jogando em casa. Pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro, neste domingo em São Januário, o Cruzmaltino foi derrotado por 2 a 0, vê sua luta para escapar do rebaixamento ficar ainda mais complicada.

Com 36 pontos e na décima sexta colocação, o Vasco não depende de si mesmo para escapar da degola e, portanto, tem de torcer por tropeços do Bahia nas últimas duas rodadas.

Na próxima rodada, o Inter voltará a jogar no Rio de Janeiro, mas contra o Flamengo, no Maracanã, no domingo, às 16 horas. Se vencer, o Colorado conquistará o título brasileiro por antecipação. O Vasco, entretanto, irá a São Paulo pegar o Corinthians, no mesmo dia e horário.

O Jogo – O Inter não foi a São Januário a passeio e partiu para cima dos donos da casa desde o início. O Colorado marcava o Vasco em seu campo e em menos de dez minutos já tinha finalizado três vezes.

Sufocado e sem poder de reação, o Vasco sofreu e viu o Inter abrir o placar aos 9. Moisés cobrou falta da intermediária pela esquerda e levantou na área. Rodrigo Dourado, mesmo cercado pela zaga vascaína, conseguiu acertar o cabeceio e tirar de Fernando Miguel.

O domínio Colorado continuou até à parada técnica, aos 25, mas na volta, o Cruzmaltino começou a equilibrar o jogo, pelo menos na posse de bola. Mas a equipe de Luxemburgo tinha dificuldades na criação das jogadas ofensivas e finalizava pouco.

O segundo tempo começou com o Inter mais plantado e esperando o Vasco, que tocava a bola tentando a penetração. A primeira finalização do segundo tempo, entretanto demorou oito minutos para acontecer, numa cabeçada para fora de Talles Magno.

Luxa tentou dar mais qualidade na armação das jogadas e trocou Bruno Gomes por Juninho. O Vasco cercava a área do Inter e tentava encontrar um espaço. O jogo foi ficando dramático para o Cruzmaltino.

Aos 31, Cano é travado com falta por Víctor Cuesta e o juiz marca o pênalti. O VAR confirmou, mas Cano desperdiçou chutando para fora.

O jogo seguiu com o Vasco pressionando, até que Thiago Galhardo selou a vitória para o Inter aos 50 minutos, com um chute colocado no canto de Fernando Miguel.

Fonte: Gazeta Esportiva (foto: assessoria)

Com muito ❤ por go7.site