Juara – Mato Grosso

16 de abril de 2024 04:41

[dataehoranews]

Delegado adjunto da Polícia Civil de Juara relata índice de violências contra mulheres com 116 medidas protetivas

Dados do Anuário de Segurança Pública mostra que o número de violência contra mulher vem aumentando a cada ano em todo Brasil, isso mesmo diante das inúmeras campanhas que são feitas por órgãos públicos e entidades.

Para, segundo especialistas se faz necessário enfrentar as causas, porque apesar do avanço representado pela Lei nº 13.104/15, que tipificou o feminicídio no Código Penal, a edição deste ano do levantamento mostra um recrudescimento das taxas de registro desse crime.

Para se ter uma ideia, entre 2017 e 2022, por exemplo, houve aumento de 37% nos feminicídios no País.

Em Juara neste ano de 2023, segundo o delegado adjunto de Polícia Judiciária Civil, Dr. Eric Fantin, até o presente entre janeiro e setembro já foram instaurados 44 casos de violência doméstica, o que representa 04 casos por mês e um por semana, isso sem contar que muitas das mulheres agredidas tem medo de procurar a justiça.

Diante desses casos, o delegado explica que juntamente com a escrivã Luciane foram até as escolas dialogar com os alunos dos 3º anos sobre a violência contra mulher, bem como explicar sobre como denunciar, o que é considerado ato violento e teve resultado positivo, inclusive com denuncia de uma menor que foi vítima de abuso sexual.

Foram lavradas na delegacia de Polícia Judiciária Civil de Juara 116 medidas protetivas para mulheres vítimas dos mais diversos tipos de violências doméstica, onde o delegado Dr. Eric Fantin enalteceu o trabalho na segurança e prevenção que vem sendo desempenhada pela Patrulha Maria da Penha da Polícia Militar que tem ajudado a combater essas ações criminosas.

O delegado ainda orientou que é necessário que as mulheres fiquem atentas nos principais casos de violência doméstica contra a mulher que caracterizam como Lei Maria da Penha que são a física, psicológica, moral, sexual e patrimonial, todas previstas no Capítulo II, art. 7º, incisos I, II, III, IV e V.

Fonte: Radio Tucunaré/ Acesse Noticias/ufrgs.br

Parceiros e Clientes

Entre no grupo Acesse Notícias no Whatsapp e receba notícias em tempo real.
Feito com muito 💜 por go7.com.br