Juara – Mato Grosso
Sexta-Feira, 08 de Dezembro de 2023

Arqueólogos descobrem raro sistema hidráulico no rio Nilo

Canais de irrigação e quebra-mares descobertos às margens do rio Nilo. Imagem/Geoarchaeology | Reprodução

O rio Nilo disputa com o Amazonas o título de maior rio do mundo. No quesito extensão territorial, o rio africano ganha do brasileiro; desde a sua nascente, no lago Vitória, até o mar Mediterrâneo são 6.660 quilômetros de extensão. Descobertas arqueológicas às margens do rio acontecem com frequência. Recentemente, paredes rochosas ao longo do rio Nilo, no Sudão, parecem representar o que os arqueólogos afirmam ser o mais antigo sistema hidráulico conhecido desse tipo.

A descoberta

De acordo com um artigo publicado no periódico científico Geoarcheology, as descobertas sugerem que as pessoas que viviam no antigo império da Núbia, localizado no norte do Sudão, manipulavam o rio a seu favor há cerca de 3 mil anos. As estruturas descobertas assemelham-se a quebra-mares, construções perpendiculares a uma costa ou margem cuja função é desviar artificialmente o fluxo de água. Segundo os pesquisadores, o rio Amarelo, na China, costumava ter os que quebra-mares mais antigos do mundo, até a descoberta no rio Nilo. No artigo, os arqueólogos explicam que os núbios usavam as estruturas 2.500 anos antes dos chineses.

Leia a matéria completa no link: https://revistaoeste.com/mundo/arqueologos-descobrem-raro-sistema-hidraulico-no-rio-nilo/

Fonte: Revista Oeste

Parceiros e Clientes

Entre no grupo Acesse Notícias no Whatsapp e receba notícias em tempo real.
Feito com amor 💜 por go7.com.br