baner topo1
Juara – Mato Grosso
Sexta-Feira, 17 de Setembro de 2021

Por abandono de tratamento, pessoas tem morrido de AIDS no Vale do Arinos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Muitas pessoas contaminadas por vírus ISTs, que são as Infecções Sexualmente Transmissíveis, quando descobrem que estão contaminadas com a doença, após o primeiro diagnóstico acabam abandonando o tratamento, conforme explicou Cristiane Ávila, coordenadora do Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA/SAE) de Juara.

As ISTs são causadas por vírus, bactérias ou outros microrganismos. Elas são transmitidas, principalmente, por meio do contato sexual (oral, vaginal, anal) sem o uso de camisinha masculina ou feminina, com uma pessoa que esteja infectada.

A coordenadora ressalta que um dos motivos desses pacientes abandonarem os tratamentos é a vergonha de irem até as unidades de saúde para receber o medicamento recomendado para tratar da doença, e isso tem sido um fato muito sério, porque algumas pessoas que faziam tratamento e abandonaram, sofreram sérias consequências e algumas delas faleceram.

O tratamento pode ser feito na unidade de saúde do seu bairro ou no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA/SAE) de Juara que tem o Dr. Haroldo Hatanaka como médico que atende todos os pacientes. Os atendimentos são de forma sigilosa e confiante, tanto por parte do médico quanto pela equipe de enfermeira que trabalham nas respectivas unidades.

O CTA/SAE não recebem somete pacientes com esse tipo de doença, então não há o porquê ter acanhamento de ir até essa unidade de saúde, e o tratamento continuando sendo a melhor prevenção precoce que existe, afirmou a coordenadora, Cristiane Ávila.

“O número de pessoas com contaminadas com esses vírus é muito grande, e tem aumento nos últimos meses, e isso é um fato preocupante para a área de saúde pública, então gente eu faço aqui um apelo venham se tratar, não abandone seu tratamento e você é saudável, na hora do sexo use preservativo, porque quem vê cara, não vê coração”, orientou a coordenadora Cristiane.

 

Com muito ❤ por go7.site